EURATOM              

 

 

 

O Tratado que institui a Comunidade Europeia da Energia Atómica (EURATOM) foi assinado em 1957 no Segundo Tratado de Roma e o seu objectivo era controlar e fomentar o estabelecimento e o crescimento de indústrias nucleares no espaço da União Europeia.   

 

 

 

 

Objectivos

 

Para lutar contra a carência generalizada de energia dos anos 50, os seis Estados fundadores da CEE (República Federal da Alemanha, Bélgica, França, Itália, Luxemburgo e Países Baixos) procuraram na energia atómica um meio para alcançar a independência energética. Como o custo do investimento nessa energia excedia as possibilidades de Estados sozinhos a adquirirem, os Estados fundadores uniram-se para constituir a EURATOM.

   O principal objectivo deste tratado era contribuir para a criação e o crescimento da indústria atómica europeia, para que todos os Estados-Membros pudessem beneficiar do desenvolvimento da energia atómica, garantir elevados níveis de energia e impedir o desvio dos materiais nucleares para fins militares.

 

 

 

 

 

 

publicado por Tiago às 12:37